25º Salão Curitibano de Artes Visuais 

A abertura oficial do 25º Salão Curitibano de Artes Visuais foi realizada nesta terça-feira (dia 9), no Clube Curitibano, na capital paranaense, com um coquetel para convidados e a divulgação dos artistas premiados da mostra.

A edição 2018 do Salão teve 453 artistas inscritos, número recorde na história do evento, e selecionou 177 obras de 122 artistas de oito estados brasileiros, que concorreram a uma premiação de R$ 26 mil.

A comissão de análise – formada pela curadora do salão, Tania Zaruch, e pelos especialistas Maria José Justino (professora e crítica de arte), Juliane Fuganti (artista e professora) e Marcelo Conrado (artista e professor) – concedeu as seguintes laureações: Prêmio Domício Pedroso, no valor de R$ 10 mil, para Margaret de Castro, do Rio de Janeiro (RJ), pelas obras “Passageiro #71” e “Bilhete Único”, ambas acrílicas sobre tela; Prêmio Guido Viaro, de R$ 6 mil, para Silvio de Bettio, de Curitiba (PR), pelo conjunto de obras “Respirar Juntos”, “Eu Espero” e “O Pedido”, todos em técnica mista; e Prêmio Adalice Araújo, de R$ 4 mil, para Tiago Alvarez, de Curitiba (PR), pelo conjunto de fotografias “Tempo Re-Velado I, II e III”.

Também foram indicadas três menções honrosas, destinadas exclusivamente a associados do Clube Curitibano, nos valores de R$ 3 mil, R$ 2 mil e R$ 1 mil, entregues respectivamente a Tânia Buchmann, Anna Luiza Lins e Débora Ling.

As obras seguem em exposição no Centro de Integração da Sede Barão do Serro Azul do Clube Curitibano até o dia 11 de novembro, das 9 às 19 horas – a entrada é gratuita.

Durante a abertura do 25º Salão Curitibano de Artes Visuais, também foi entregue o espaço de exposições permanentes Davi A. Carneiro, homenagem ao ex-presidente do Clube Curitibano.

Criado em 1989, o Salão Curitibano de Artes Visuais tornou-se bienal a partir de sua 20ª edição, em 2008. A 25ª edição da mostra é viabilizada através da Lei Rouanet (Lei de Incentivo à Cultura), com patrocínio das empresas Cataratas do Iguaçu e Caminhos do Paraná.

fotos Mada Pereira