Curitiba no Anima Mundi

A 27ª edição do Festival Internacional de Animação do Brasil, o Anima Mundi, terminou no último fim de semana, em São Paulo.

Entre os 335 filmes exibidos nas versões paulista e carioca do festival estava o mais novo vídeo lançado pela campanha Defenda-se, uma iniciativa criada em 2014 pelo Centro Marista de Defesa da Infância para promover a autodefesa das crianças contra a violência sexual.

Este é o 12º filme curto publicado. Desde o primeiro, a campanha já alcançou pelo menos 20 milhões de pessoas pelas redes sociais e está nos 81 países onde o Instituto Marista está presente.

O vídeo foi exibido dentro das Sessões Competitivas na categoria Portfólio, destinada a trabalhos de animação feitos por encomenda para propaganda, videoclipes, filmes institucionais, cenas para longas metragens, entre outros.

Por meio de uma linguagem amigável, educativa e acessível, o filme discute, de forma sutil e bastante delicada, a intimidade e privacidade na infância e adolescência. Como pano de fundo estão situações corriqueiras, como uma ida ao banheiro durante o recreio ou uma atividade em sala de aula.

“Quando bem orientadas, as crianças têm mais chances de evitar ou interromper o abuso, contando sempre com o apoio de adultos de confiança que ela reconheça em seu cotidiano” explica Vinícius Gallon, coordenador da Campanha Defenda-se.

Os dois últimos filmes lançados pela campanha foram produzidos pela SPIRIT Animation Studios com apoio do Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual de Crianças e Adolescentes, Campanha Faça Bonito, Fundación Marista por La Solidaridad, FTD Educação, Organizacion de Los Estados Americanos (OEA), Instituto Interamericano del Niño, la Niña y Adolescentes e o Instituto Cores. As traduções são da produtora Filmes Que Voam.

Para Fernando Macedo, diretor da SPIRIT Animation Studios, o filme ter sido aceito em um dos eventos mundiais mais importantes do segmento mostra como as pessoas, em geral, estão receptivas a esse tipo de mensagem. “A linguagem escolhida foi muito feliz, assertiva. É uma animação leve, bonita, que consegue falar de um tema sério de forma muito delicada, com jeito. Estamos muito orgulhosos”, garante.

vídeo anterior da campanha Defenda-se foi finalista na subcategoria Melhor Animação Publicitária ou Produzida para Broadcasting dentro da categoria-mãe Animação do Prêmio LeBlanc de Arte Sequencial, Animação, Literatura Fantástica e Games. Trata-se de um prêmio realizado pela Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e pela Universidade Veiga de Almeida (UVA).

Defenda-se foi uma das cinco obras mais indicadas pelo público da internet e submetidas a um júri técnico composto profissionais e acadêmicos das áreas de História em Quadrinhos, Animação, Literatura Fantástica e Games.