Livros à bordo

Uma turma do 5º ano do Ensino Fundamental do Colégio Marista Asa Sul, em Brasília,  distribuir livros nas paradas de ônibus. A ação é parte do Projeto de Intervenção Social (PIS) do Colégio, Leitores sem Fronteiras.

 

Edição mais recente da Pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, de 2016, aponta que no Brasil os leitores representam 56% da população.

As mulheres são maioria: 59% são leitoras, enquanto os homens representam 52% da parcela da população com apreço aos livros. Mas quem mais lê no Brasil hoje, segundo a Pesquisa, são os jovens entre 18 e 24 anos.

Sob a supervisão da professora Andréa Minafra, as crianças fizeram cinco caixas de papelão e arrecadaram 50 livros literários para viabilizar a ação.

Cada caixa foi colocada em um local estratégico que conta com grande fluxo de pedestres, três na própria escola e duas, em paradas de ônibus da Quadra 609 Sul. A ação servirá como projeto-piloto, devendo ter continuidade em 2019.

Os resultados neste curto período de experimento já são bem positivos. Em apenas uma semana, os estudantes perceberam que a comunidade recebeu bem os presentes inesperados, pois as caixinhas deixadas nos pontos estratégicos já estão vazias. A ideia agora é arrecadar mais livros e montar novas caixas para continuar formando leitores sem fronteiras.