Doe para projetos sociais

No fim do ano ações de solidariedade se espalham pelo País. Uma possibilidade ainda pouco utilizada pela população é a destinação de parte do Imposto de Renda (IR) para projetos sociais. Até o dia 28 de dezembro, os contribuintes podem doar até 6% do IR devido para este fim.

Na prática, o contribuinte doa agora, mas consegue fazer a restituição do montante (ou o abatimento do valor, caso tenha imposto a pagar) na hora da declaração do imposto de renda (entre março e abril do ano seguinte).

“Ou seja, é um valor que de qualquer maneira a pessoa teria que pagar à Receita Federal, mas assim não teria como saber como o valor seria aplicado. Ao redirecionar a contribuição para instituições sociais, ela pode escolher um projeto de sua cidade ou em que confia e faz a diferença”, disse o gerente de marketing e parcerias da Rede Marista de Solidariedade, Rodolfo Schneider.

Nesta modalidade, a doação de até 6% do imposto de renda devido é válida para os contribuintes que declaram o imposto de renda pelo modelo completo.

Segundo dados da Receita Federal, menos de 3% das pessoas que poderiam fazer essa doação fazem o redirecionamento do montante para projetos sociais.

Como doar

Acesse o site do Fundo da Infância e da Adolescência (link), escolha a instituição, defina o valor do seu aporte e a data de vencimento (que não pode ser superior a 28/12). Para descobrir o seu potencial de doação, uma dica é pegar o recibo da declaração do ano anterior e fazer o cálculo de 6% com base no valor do imposto devido.

Após o pagamento do boleto, guarde o comprovante para ser usado na Declaração do Imposto de Renda de 2019.

Mais informações acesse www.impostosolidario.org.br.