Fies: prazo final é amanhã!

Termina amanhã (28/02) o prazo para as inscrições para o Fies, programa de financiamento estudantil do Governo Federal.

Podem se inscrever alunos que tiveram média de pelo menos 450 no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e que não tenham tirado nota zero na redação, a partir de 2010. Outra exigência é se encaixar dentro dos limites de faixa de renda estabelecidos para o programa.

Há duas modalidades do financiamento (Fies e P-Fies) estruturadas em três faixas. A primeira contempla alunos com renda familiar bruta, por pessoa, de até três salários mínimos, sem juro real (0%).

A segunda é destinada a alunos em cuja família cada membro tenha renda de até cinco salários mínimos nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

Estudantes com o mesmo teto de renda familiar das demais regiões estão incluídos na terceira faixa.

Nestes dois últimos casos, os juros serão calculados em valor pouco acima da inflação. No total, são 155 mil vagas disponíveis para os primeiros seis meses do ano em todo Brasil.

Para quem não consegue preencher os pré-requisitos do Fies, existe a alternativa de conquistar uma bolsa de estudo e pagar a mensalidade ao longo do curso por um preço mais acessível.

Quero Bolsa é um dos sites que oferece esta solução. A plataforma reúne mais de 1 milhão de bolsas em 1.200 instituições de todo País, com descontos de até 70% nas mensalidades. O benefício é válido até o final do curso e podem ser utilizadas pelos interessados tanto em cursos presenciais, quanto a distância (EaD).

Para isso, basta ao candidato procurar o curso de interesse, efetuar a inscrição no site e, em seguida, pagar a pré-matrícula para garantir a bolsa de estudo. Tudo isso, sem qualquer burocracia ou necessidade de comprovação de renda.

“Após concluir o processo na plataforma, o estudante deve comparecer à instituição de ensino escolhida para prosseguir com os trâmites da matrícula”, explica Marcelo Lima, diretor de relações institucionais do Quero Bolsa.