As nossas mentiras revelam tanto de nós como as nossas verdades
   
John Coetzee (Nobel de Literatura 2003)